Brasília Atlanta Berlim  Buenos Aires Frankfurt  Hong Kong Lisboa Londres  Los Angeles  Macau  Milão Montreal Moscou Nova York Roma Paris Pequim São Paulo Sidney Toronto Tóquio Vancouver Washington
INDEX-HOME AGENCIA BRASILEIRA DE NOTICIAS ABN NEWS
     SINCE 1924: ABN NEWS BRAZILIAN NEWS AGENCY - DESDE 1924: AGÊNCIA BRASILEIRA DE NOTÍCIAS  -  INICIAL HOME PAGE  -  COMO SER CLIENTE  -  EXPEDIENTE  -  FALE CONOSCO

 Editoria de TV/Resumo das Novelas

 

.

11/09/2013 21:31

José do Egito: Resumo dos Próximos Capítulos dos dias 11 e 18/09



RIO [ ABN NEWS ] — Resumos dos Capítulos 34 e 35 da Minissérie José do Egito da TV Record:


Resumo do Capítulo nº 34 do dia 11/09/2013 da Minissérie José do Egito – Quarta-feira, 11 de Setembro de 2013

José pede que Mitri leve os irmãos até sua casa para almoçar. Ele sai sem ser visto. Mara se desculpa com Diná por tudo que já lhe fez. As duas selam a amizade com um abraço emocionado. José pede que Azenate cuide de todos os preparativos para o almoço. Ruben e seus irmãos ficam preocupados com o banquete, mas ainda assim, são levados até o local. Enquanto caminham rumo ao templo, Sati e Hapu passam pelos irmãos de José. Ao saber quem são aqueles homens, Sati fica intrigada e encantada com todos. Seneb conduz Simeon para fora da prisão. Todos chegam à casa do vizir. Todos se curvam diante de José, mas ele pede que se levantem. Ele se emociona muito, mas tenta se controlar. Enquanto Benjamin fala, José está prestes a desabar. Ele interrompe o irmão mais novo e se afasta. Aos prantos, José diz a Azenate que só pode se revelar depois de ter certeza que todos os seus irmãos amam Benjamin. Ele lava o rosto, se refaz, e retorna para a sala. Instruídos por Mitri, os irmãos se acomodam. Eles percebem que se sentaram de acordo com a ordem de seus nascimentos e acham curioso. Benjamin recebe uma porção maior que seus irmãos. Em um clima amistoso todos brincam, sem perceber que são observados por José. Pentephres ignora os desejos de Sati. Ele afirma que já se cansou do jogo e a expulsa do templo. Hapu observa tudo, chocado. Após o almoço, José permite que os irmãos retornem a Canaã. Ele pede que todos se hospedem em Avaris para partirem no dia seguinte. Sati vai até o quarto de Hapu, cheia de desejos. Ele se nega a atender aos pedidos de sua senhora. Hapu revela que sabe tudo sobre Pentephres e expulsa Sati. Ela volta para o quarto e tenta se deitar sem acordar o marido. Potifar, que já estava acordado, pergunta o que Sati fazia fora do quarto. Ela tenta se explicar, mas o comandante fica irritado e se vira para dormir. O clima é desagradável. José pede que Mitri prepare algumas coisas antes que seus irmãos retornem para Canaã. O vizir deseja testá-los. No dia seguinte, o escriba se aproxima dos filhos de Jacó, que já estavam de saída. Ele afirma que um deles roubou José. Mitri afirma que aquele com quem se achar o copo de prata será escravo do vizir, enquanto os outros partirão livres. Após a revista, o copo é encontrado junto aos pertences de Benjamin. Quase nua, Sati chama Hapu em seu quarto. Ela oferece seu corpo em troca de uma vingança contra Pentephres. Dominado pelo desejo, Hapu agarra Sati e começa a despi-la. Benjamin é contido pelos guardas enquanto os irmãos rasgam suas vestes, desesperados. Mitri fica impactado com a reação de todos. Judá toma a frente e exige que sejam levados até a presença do governador. Potifar pega Sati e Hapu se agarrando. Respeitoso, Judá enfrenta José. Humildemente, ele clama por misericórdia e pede para ficar no lugar de Benjamin. José se emociona com o relato de seu irmão, está a ponto de desabar. Depois que Judá termina seu clamor, José fica em silêncio por algum tempo. Muito emocionado, ele pede que Mitri se retire junto com os guardas. Diante dos irmãos, José começa a chorar copiosamente em alta voz. Ele se recompõe, com a voz um pouco embargada e retira seus adereços para que possam vê-lo melhor. José revela sua identidade, para espanto de todos.



Resumo do Capítulo nº 35 do dia 18/09/2013 da Minissérie José do Egito – Quarta-feira, 18 de Setembro de 2013

Judá cai de joelhos diante de José. Todos se emocionam, assombrados com a ascensão de seu irmão, enquanto Benjamin vai se revoltando à medida que descobre a verdade. Simeon e Levi ficam temerosos. Enojado, Benjamin demonstra toda decepção que sente ao ouvir o relato de seus irmãos. Todos ficam arrependidos, cheios de remorso. José interrompe o caçula e afirma que está tudo bem. Ele pede que todos se aproximem e demonstra sua bondade. Sati tenta se explicar para o marido, mas acaba levando um tapa no rosto. Potifar decide que ela e Hapu irão a julgamento. Os irmãos de José mal acreditam que foram perdoados. Todos fazem questão de mostrar que estão verdadeiramente arrependidos. José abraça e beija todos os irmãos. Apenas Simeon se afasta do grupo, atordoado. Ele conta que ainda teme por represálias, mas José faz questão de demonstrar que já o perdoou. Para que tudo fique bem, José pede que Simeon se perdoe. Emocionado, Simeon devolve o colar que havia guardado. Ele não resiste mais e abraça José, muito emocionado. Sati pede a ajuda de Tany para que seja perdoada, mas a esposa do Faraó demonstra que não poderá interferir. José apresenta sua família para os irmãos. Mitri é obrigado a interromper para dizer que Apópi solicita a presença do vizir. O Faraó fica impressionado com a bondade de José. Ele decide que os irmãos do hebreu devem ir a Canaã para buscar sua família e retornar ao Egito para que se estabeleçam por ali. Ele pede que Mitri providencie carros capazes de transportar Jacó, as mulheres e crianças para que não se cansem na viagem. Depois que José sai, começa a julgamento de Sati e Hapu. Pentephres está presente. Os irmãos de José ficam impressionados com as bigas que foram preparadas para eles. Suprimentos suficientes para a viagem de ida e volta também são entregues. Ruben e seus irmãos partem. Sati tenta se defender durante o julgamento. Potifar a pressiona para confessar que já se deitou com outros homens. Ela se enfurece e assume, mas culpa o marido por isso. Sati afirma que Potifar nunca foi capaz de satisfazer seus desejos. Além disso, revela que se deitou com vários outros. Inesperadamente, Sati conta que Pentephres se aproveitou bastante de seu corpo. Ele é pego de surpresa. Pentephres começa a entrar em pânico, mas tenta se controlar. Sati pressiona Hapu, que confirma o que sua senhora diz. O Faraó decide que Sati perderá todos os seus bens. Além disso, terá seu nariz cortado para que todos saibam que é uma adúltera. Desesperada, Sati clama pela piedade de Tany, mas ela já não pode fazer mais nada. Apopi decide também que Hapu será atirado aos crocodilos para que seu corpo seja destruído, inviabilizando assim, sua ida para o mundo dos mortos. Para finalizar, o Faraó destitui Pentephres de seu posto e o expulsa do Egito. Numa postura desrespeitosa, Pentephres enfrenta Apopi e o ameaça. Após a ordem do Faraó, todos os adereços do pai de Azenate são arrancados, para que deixe sua terra sem bem algum. Pentephres caminha pela cidade, humilhado, enquanto outro sacerdote anuncia ao povo que ele deixou seu posto e sairá da cidade. Ao ver tudo, José fica preocupado. Hapu é atirado aos crocodilos. José diz a Azenate que se despeça de Pentephres antes que ele saia do Egito.


Mais TV e Novelas

 

 

 

   

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Expediente | Como Contratar os Serviços Noticiosos da ABN | Fale Conosco |

Desde 1924: AGÊNCIA BRASILEIRA DE NOTÍCIAS - Since 1924: BRAZILIAN NEWS AGENCY - ABN NEWS
Ampla e Completa Cobertura Jornalística